Casa do Estudante

A Casa do Estudante Universitário do Amazonas (CEU/AM) talvez seja pouco conhecida por muitos alunos da universidade. O modesto prédio de quatro andares se localiza na Rua Barroso, centro de Manaus, e abriga estudantes vindos do interior, de outros Estados e até mesmo de outros países há 50 anos. Fundada em 1949, a Casa do Estudante surgiu pela necessidade de alojar universitários que não tinham condições de morar em Manaus.

 A república tem capacidade para abrigar 40 pessoas, entre moradores e hóspedes. “A grande maioria é do interior, principalmente das regiões mais próximas, como Parintins”, é o que afirma a estudante de biologia e vice-presidente da CEU/AM, a paulista Andressa Cristine. Os moradores da república têm direito a café da manhã, almoço e jantar pelo Restaurante Universitário – RU/Ufam. A limpeza do local fica por conta dos próprios universitários em um sistema de revezamento semanal. Já os recursos para sustentar a Casa do Estudante vêm da Ufam através do Departamento de Apoio ao Estudante – Deast/Ufam, que pertence a Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários da universidade. Problemas da Casa Entre setembro de 2008 e setembro deste ano, o prédio da Casa do Estudante passou por uma reforma. Nesse tempo, os alunos estavam morando em moradias alugadas pela universidade. “Quando nós voltamos, nos deparamos com vários problemas de infra-estrutura que ainda persistem na casa”, conta a vice-presidente Andressa, que também é moradora da CEU-AM.

 Um dos problemas está na ausência do RU na Casa (a comida está vindo direto da Ufam desde o término da reforma). Outra dificuldade enfrentada é a água, como conta o aluno de Farmácia Charderlei Tavares, originário de Humaitá: “A péssima qualidade e o acúmulo de água na área de serviço da casa pode trazer problemas com relação à saúde”. Quando questionado sobre os problemas na casa, Mário Belém, diretor da Daest, afirmou que a administração de seu departamento é nova e pretende resolver todos os problemas o mais rápido possível. Ainda segundo Mário, o processo de licitação para contratação de uma empresa de cozinha está em andamento.

Ele também adiantou que uma nova residência de 120 quartos para os estudantes está sendo construída. Se as dificuldades de um curso superior já são grandes, enfrentar isso em uma cidade ou país desconhecido não é nada fácil. Daí a importância que a Casa do Estudante Universitário tem na vida acadêmica em uma universidade, dando as condições básicas para alunos vindos de outras localidades.

 Bruno izidro, estudante de Jornalismo

About these ads

7 Respostas so far »

  1. 1

    kelly disse,

    Adorei saber da casa dos estudantes em Manaus.
    Gostaria muito de está ai no ano de 2011.
    Quem sabe né?
    mil bjos

    • 2

      mayara disse,

      eu só do interior do amazonas e ganhei uma bolsa integral pelo prouni e gostaria de saber si alunos que fazem em outra universidade como no meu caso, UNINORTE poderia ter o beneficil de mora na casa do estudante ceu-am

  2. 3

    querle disse,

    oi… gostaria de saber como consigo morar em uma casa universitária.

  3. 4

    mayara pereira disse,

    oi eu gostaria de saber se só podem mora nessa casa os estudantes
    de universidade publicas?

  4. 5

    Luiz disse,

    Gostaria de saber como ter mais contatos para entrar na casa universitária em 2011?

  5. 6

    Pablo Lopes disse,

    ola meu nome é Pablo sou bolsista em uma universidade particular, vim do interior e gostaria de saber como faço para ter a oportunidade de morar na casa de estudade, grato.


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: